Um homem, identificado apenas como Paulo Cesar, vigia da AABB de Água Branca, foi espancado a pauladas e teve a moto roubada durante a madrugada deste domingo, 9 de fevereiro de 2020, enquanto estava de serviço. O suspeito de cometer o crime é o mesmo que, ao lado de um comparsa, participou de um assalto de outra motocicleta na comunidade Baixão dos Cocos dos Carlos, município de Lagoinha do Piauí, no último dia 05 de fevereiro, e de um celular na noite deste sábado (08), em Água Branca.

O vigia só foi encontrado na manhã deste domingo e encaminhado para o hospital de Água Branca, e dada a gravidade da lesão foi transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Ele foi atingido várias vezes na cabeça e perdeu muito sangue.

De acordo com informações, uma dupla praticou um assalto a mão armada na comunidade Baixão do Coco dos Carlos, município de Lagoinha do Piauí, no último dia 05 de fevereiro, onde tomaram uma motocicleta modelo Yamaha Crypton. Já na noite deste sábado, utilizando a mesma moto, a dupla tomou de assalto um celular na orla do açude de Água Branca.

Perseguidos pela Força Tática, a dupla abandonou a moto e se esconderam em um matagal abaixo do açude. A PM suspeita que um dos criminosos entrou pelo muro dos fundos da AABB, espancou o vigia e levou a moto do mesmo.

A motocicleta abandonada pelos criminosos foi encaminhada para a Delegacia de Polícia de Água Branca e será restituída ao proprietário. A moto do vigia é uma Honda 150 Fan, vermelha. Placa ODW-6800.

As diligências continuam, mas até o momento ninguém foi preso.

(*) Com informações do Canal 121

Tribuna do Nordeste