Se a moda pega! Carro com som é usado para difamar polícia nas ruas de Barras

 Se a moda pega! Carro com som é usado para difamar polícia nas ruas de Barras
Os radialistas Bob Osso e Francisco Duarte vão se apresentar à polícia de Barras para depor nesta quarta-feira (14). Isso porque o carro de som de Bob Osso foi utilizado pelo radialista Duarte para manifestações contra a Polícia de Barras.
As informações dão conta de que os dois circularam pela cidade discursando contra a segurança da cidade.

Bob Osso alega que apenas alugou o carro – Foto: Juarez Santos
O carro de som de Bob Osso foi apreendido pela polícia e ficou no pátio da delegacia por todo final de semana por estar com a documentação atrasada.

Os depoimentos foram motivados pelo assalto a casa do ourives José Renor que aconteceu na semana passada. De acordo com duas testemunhas que não quiseram se identificar, Francisco Duarte reclamava do fato de os próprios populares terem perseguido os assaltantes, papel que deveria ter sido feito pela polícia.
Em entrevista ao longah.com, o subcomandante do Batalhão da Polícia Militar no município, Sargento José Carcará, esclareceu que a Polícia não foi comunicada sobre o assalto no momento em que aconteceu. “A polícia só foi comunicada quando os populares já haviam perseguido os bandidos e eles já haviam empreendido fuga. Eu acho que o radialista deveria ter procurado a polícia antes de utilizar carro de som para caluniar e difamar a instituição que trabalha muito para defender a sociedade”, declarou o sub-comandante.
Ele disse ainda que, após a polícia ser comunicada, entrou em contato com a Polícia de Miguel Alves e Lagoa Alegre para onde ele suspeitava que os assaltantes fugiram. “O sargento Miguel,  de Miguel Alves, disse que o carro dos assaltantes já havia passado para José de Freitas para chegarem em Teresina”, compeltou.
Carcará informou ainda que o carro, um Pegeut, foi roubado no Bairro São João em Teresina por quatro assaltantes e que a polícia em Teresina estava à frente das buscas de encontrá-los. Os dois radialistas podem responder por calúnia, difamação e injúria.  Bob Osso se defende dizendo que apenas alugou o carro por R$ 8,50.

A segurança pública não é um problema que atinge somente a cidade de Barras, mas todo País. Após a implantação do Batalhão da Polícia Militar no Município, a população vem acompanhando pela imprensa ações concretas, apreensão de armas, prisão de traficantes e de assaltantes, deixando a população mais segura.
Ademais, o problema é bem mais abrangente do que se imagina. Há que se ter prevenção, que é feita através de implantação de equipamentos de lazer, de estímulo ao esporte, da geração de emprego e renda entre outros fatores, que infelizmente não existe em Barras. Falta mais iniciativo do Poder Público municipal e estadual para prevenir que os jovens se embrenhem pelo mundo do crime, das drogas e da prostituição, como vem acontecendo em Barras e em todas as cidades brasileiras nos últimos 10 anos, quando nossa sociedade passou a viver a era do “tudo pode e nada é proibido em nome de todas e de todos”…
(*) Socorro Carcará, longah.com

Diego Albert

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *