Prefeito de Barras diz que sai pagando todo mundo e empregados da prefeitura desmentem

 Prefeito de Barras diz que sai pagando todo mundo e empregados da prefeitura desmentem
O prefeito Francisco Marques em frente ao Palácio Casa Rosada, sede da Prefeitura de Barras.

O prefeito Francisco Marques (PMDB) se despede da Prefeitura Municipal de Barras na próxima Segunda-feira (31 de Dezembro de 2012). Ele concedeu entrevista coletiva e disse: “Saio com a sensação de dever cumprido por ter feito tudo que estava ao meu alcance para tornar esta cidade um lugar melhor de se viver. Vou deixar de ser prefeito, mas não deixarei de ser cidadão e amigo de todos os barrenses como sempre fui. Fiz muitas amizades e o importante é que saio de consciência tranquila e com a certeza de que servi ao meu Município, ao meu povo, com responsabilidade. Vou continuar minha vida como cidadão e político, pois todos somos políticos. Deixarei as coisas acontecerem… e o futuro só a Deus pertence. Agradeço à todos de coração por esses dois anos e meio de gestão”.
Segundo o prefeito Francisco Marques, a maior dificuldade encontrada na sua administração foi tirar a prefeitura da inadimplência, pois encontrou o Município de Barras sem condições de receber verba federal, e conclui: “Para tirar Barras da inadimplência dediquei um ano todo da minha gestão. Paguei INSS, salários atrasados e todos os encargos para a Receita e Governo Federal para poder retirar as certidões negativas. Esta luta foi difícil, mas Deus me concedeu uma missão de ser prefeito e consegui executar com sucesso a missão de tirar Barras da inadimplência deixada pela administração do prefeito anterior Manim Rêgo. Talvez esta tenha sido a mais difícil tarefa”, conclui.
O prefeito disse ainda que trabalhou apenas um ano e meio, já que dedicou um ano somente para limpar o nome do Município das dívidas deixadas pelo ex-prefeito Manim Rêgo. “Quando cheguei, encontrei uma prefeitura com energia cortada, o Palácio Casa Rosada (sede da Prefeitura) estava quase caindo. O prédio da Secretaria Municipal de Educação todo deteriorado. Não tínhamos onde colocar a Secretaria de Saúde. O INSS e o FGTS e mais inúmeras contas atrasadas, tudo isso herdado da administração anterior cujo prefeito era Manim Rêgo”.
Francisco Marques relata que o último parcelamento que fez foi no valor de R$ 1 milhão e 200 mil e que a dívida foi parcelada em 60 meses. “Esta dívida era com a AGESPISA – Águas e Esgotos do Piauí S/A e foi acumulada desde a década de 1990. Também herdei uma dívida de R$ 4 milhões com a Eletrobras e parcelei após ver os órgãos públicos por várias vezes com energia cortada”, diz o prefeito que sai deixando as contas em dia e todos os funcionários e credores pagos.
NOTA DA EDITORIA DA TRIBUNA DE BARRAS
Um grupo de funcionários da Prefeitura Municipal de Barras entrou em contato com a redação do portal tribunadebarras.com na tarde de hoje (28) e disse que o prefeito Francisco Marques só pagou os funcionários terceirizados. Que do dia 1º de dezembro até a data de hoje (28) entrou nas contas da prefeitura R$ 5,1 milhão e que a folha de pagamento não chega a R$ 100 mil. Faça consulta de quanto entrou em dinheiro na PMB este mês junto ao Banco do Brasil, link a seguir: https://www17.bb.com.br/portalbb/djo/daf/Demonstrativo,802,4647,4652,12,1.bbx

Diego Albert

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *