O atual governador do Piauí, Wellington Dias (PT), está oficialmente reeleito em primeiro turno. O resultado foi confirmado pelo TSE neste Domingo, 7 de Outubro de 2018, quando o candidato chegou a 55,06% dos votos válidos com 94% das urnas apuradas. Dias acompanha a contagem dos votos na sede da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcef)

Esse será o quarto mandato do petista como governador do estado, que governou o estado de 2002 a 2010 e foi eleito governador pela terceira vez em 2014.

Formado em Letras pela UFPI (1982) e especializado em Políticas Públicas e Governo pela UFRJ (1998), recentemente concluiu a especialização em Gestão Pública em Harvard. Como bancário, Wellington trabalhou no Banco do Nordeste do Brasil, Banco do Estado do Piauí e Caixa Econômica Federal, da qual é funcionário de carreira. A militância política começou em 1985, quando, aos 29 anos, filiou-se ao Partido dos Trabalhadores.

Em 1992, foi eleito vereador de Teresina. Em 1994, elegeu-se deputado estadual e chegou à presidência do diretório regional do PT, onde ficou de 1995 a 1997. Em 1996, foi candidato a vice-prefeito de Teresina, na chapa de Nazareno Fonteles. Em 1998, foi o primeiro deputado federal eleito pelo PT no Piauí. No ano 2000, se candidatou a prefeito de Teresina junto com Francisca Trindade como companheira de chapa.

Em 2002, candidato ao governo do estado, Wellington foi eleito no primeiro turno pela coligação “A Vitória que o Povo Quer”. Em 2006 voltou a disputar o cargo no executivo estadual e foi reeleito com 61,7% do total, obtendo 266.579 votos a mais do que na sua primeira disputa para governador. Em 2010, Wellington se afastou do cargo para concorrer ao Senado Federal e foi eleito com 997.513 votos. Em 2014, Wellington se candidatou novamente ao governo e foi eleito com 1.053.342 votos