Com um gol do atacante Eduardo, cobrando penalidade máxima, o River Atlético Clube venceu o Parnahyba Sport Club neste Domingo, 18 de Março de 2018, no Estádio Albertão, em Teresina, por 1 a 0, e reassumiu a liderança do Campeonato Piauiense da 1ª Divisão em sua Fase Classificatória. O Tricolor agora tem 19 pontos ganhos, com Altos na vice-liderança, dois pontos a menos. Mas ambos já estão nas semifinais da competição. O mesmo ainda não ocorre ao Parnahyba, que vai precisar vencer seu último jogo e ainda torcer por um tropeço do 4 de Julho diante do Flamengo-PI.
O gol da vitória tricolor foi ainda no primeiro tempo, com Eduardo convertendo a falta máxima sofrida por ele próprio. No início do segundo temo, o árbitro Djalma Filho expulsou o goleiro Cesar, do Parnahyba, por ofensas morais. Com um a menos, o Tubarão ainda assim buscou o empate. E por muito pouco não conseguiu. Nos acréscimos, Thiago Marabá foi derrubado por Gustavo Radar. Alguns cronistas que estiveram no Albertão afirmaram que a falta foi em cima da linha e, portanto, pênalti. O árbitro marcou fora da área e o Parnanhyba desperdiçou a última chance para empatar.
A classificação do certame apresenta o River, líder, com 19 pontos ganhos, seguido de Altos (17), Piauí (12), 4 de Julho (10), Parnahyba (8) e Flamengo (4). River e Altos estão classificados. As outras duas vagas continuam em aberto, disputadas pelos outros quatro concorrentes. Próximo jogo, no Sábado vindouro, Flamengo-PI x Altos.
FICHA TÉCNICA
 
RIVER 1×0 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais – Fase Classificatória – 9ª rodada – Taça Cidade de Teresina); Data: 18/03/2018 (domingo à tarde); Local: Estádio Albertão (Teresina – PI); Arbitragem: Djalma Alves de Lima Filho, auxiliado por Alisson Lima Damasceno e João Thiago Carvalho Reis.
Gol: Eduardo (pênalti) 32 do 1° tempo.
Expulsões: Cesar, aos 4 , por ofensas morais ao árbitro, e Gustavo Radar, aos 48, por cometer falta em jogada de iminente perigo de gol, ambos no 2° tempo.
Obs.: com a expulsão de Cesar, o goleiro reserva Alex entrou no jogo, substituindo Fabinho Sergipano.
River – Vitor Paiva; Madson, Marlon, Alexandre e Flavinho; Alex Sassá (Thiago Accioli), Gustavo Radar, Marcos Vinícius (Daniel Marins) e Márcio Diogo (Sharle); Eduardo e Esquerdinha. Técnico: Wallace Lemos.
Parnahyba – César; Fabinho Sergipano (Alex), Gasolina, Renan e Rian; Luciano (Gilmar Bahia), Idelvando, Juninho Pindaré e Erivelton; Jânio Daniel e Fabinho (Thiago Marabá). Técnico: Carlos Weberton.
(*) Com informações de Severino Filho, Site do Buim – sitedobuim.blogspot.com.br. Foto: Globo Esporte