A cidade de Boa Hora, situada na Região da Grande Barras,
distante 155 quilômetros ao norte de Teresina, amanheceu nesta Segunda-feira, 7 de Agosto, perplexa devido a violência praticada contra o padre da Igreja
Matriz de São Pedro.
A reportagem do Tribuna de Barras apurou que, bandidos armados invadiram a Casa Paroquial na madrugada
de hoje, espancaram o vigário e seu irmão, advogado André. Padre
Alan Kardec (foto acima), foi levado pelos marginais, que voltaram a agredi-lo e depois o
abandonaram numa estrada vicinal próxima a cidade de Boqueirão do Piauí, já na
Região de Campo Maior.
Padre Alan Kardec encontra-se em Teresina realizando exames
médicos. Até o momento não se sabe o motivo da invasão a Casa Paroquial e nem
do espancamento do religioso, bem como não se tem ainda a identificação dos
autores do delito.

A polícia atua em várias hipóteses para elucidação do crime
e as autoridades policiais dizem que estão investigando e em breve irão
dar satisfação a imprensa e a sociedade sobre o ocorrido. 

De acordo com a tenente Eliane, da Polícia Militar de Campo Maior, os bandidos levaram o padre e sua camionete Ford Ranger, mas abandonaram o religioso e seu carro no Povoado Chapada do Meio, município de Boqueirão do Piauí. O Padre Alan Kardec não soube informar qual o modelo do veículo que andavam os criminosos, apenas disse que era um carro pequeno, o que dificulta as investigações, disse a tenente Eliane a reportagem do Tribuna de Barras.

Abaixo, imagens exclusivas de como ficou a casa do padre após a invasão dos marginais.