Faleceu na manhã desta Segunda-feira (14-04-2014) o desembargador Tomaz Gomes Campelo, ex-presidente da Academia de Letras do Vale do Longá, sediada em Barras. 
Tomaz Gomes Campelo, juiz, desembargador, escritor, acadêmico, comendador, presidente da União Brasileira de Escritores (UBE/PI). Presidente da Academia Pedrossegundense de Artes e Letras, ex-presidente da Academia de Letras do Vale do Longá (ALVAL) por dois mandatos e sócio honorário da Academia Piauiense de Letras, sócio da Academia de Letras e Belas Artes de Floriano e Vale do Parnaíba (ALBEARTES) e sócio da Academia de Letras do Médio Parnaíba, sócio da Academia de Letras da Magistratura Piauiense (ALMAP).
Nasceu no Sítio Rodrigo, município de Pedro II (PI) a 06 de janeiro de 1926. Filho de Ernesto da Silva Campelo e de Raimunda Gomes Campelo. Casado com Maria da Graça Soares Campelo (Graci).

Tomaz Campelo é advogado. Foi juiz de Direito em diversas Comarcas do Estado do Piauí, foi ainda Corregedor Geral de Justiça e membro efetivo do Conselho de Magistratura. Membro do Conselho da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/PI).
Professor de Direito Processual Civil da Escola Superior de Magistratura do Estado do Piauí. Maçon, Grau 33, do Grande Oriente do Brasil. Presidente do Rotary Clube – Teresina Jóquei.
Reconhecendo o seu mérito, o Tribunal de Justiça do Estado do Piauí denominou de Des. Tomaz Gomes Campelo o fórum da cidade de Fronteiras (PI).
Recebeu os títulos de Cidadão das cidades de Fronteiras, Regeneração, Barras, Alto Longá, Teresina. Luís Correia e Amarante.