Joaquim Lucas Furtado diz que AGESPISA não tem competência para abastecer Barras de água e sugere criação de nova empresa

 Joaquim Lucas Furtado diz que AGESPISA não tem competência para abastecer Barras de água e sugere criação de nova empresa
     Joaquim Lucas Furtado concedendo entrevista a emissora de rádio de Barras.     
Barras (PI) – Ex-prefeito de Barras em duas legislaturas, superintendente do INCRA no Piauí, psicólogo, Joaquim Lucas Furtado é um mito na política barrense e na arte de administrar os bens públicos, pois por onde passou deixou sua marca organizada e progressista.
 
Sobre a problemática constante da falta d’água potável nas torneiras na cidade de Barras, Joaquim Lucas Furtado disse que: “Já está comprovado que a AGESPISA – Águas e Esgotos do Piauí S/A não tem competência para prover o abastecimento d’água em Barras. Esse problema é crônico e a falta de respeito para com o consumidor também. O que a AGESPISA explora e vende aos seus clientes em Barras já pertence ao povo barrense, eis que o Rio Marathaoan é genuinamente barrense. Se a questão é a desapropriação dessa empresa no fornecimento d’água a Barras vamos tomar essa iniciativa. Talvez o consumidor barrense não saiba mas paga taxa de esgoto sem ter esgoto sanitário em nossas ruas. Mas o barrense sabe que a AGESPISA danificou o centenário calçamento da maioria de nossas ruas fazendo um remendo horrível. Conclamo ao prefeito eleito Edílson Sérvulo e aos senhores vereadores eleitos para nos juntarmos e criarmos a Companhia de Águas e Esgotos de Barras – CAESB. Vamos começar pelos bairros que não são atendidos pela AGESPISA. Temos os principais ingredientes: água em abundância e consumidores. Esgotos o BNDS financia. Temos também certeza de que o povo de Barras comprará cotas dessa empresa genuinamente barrense que será a CAESB. Basta de tanto sofrimento com essa famigerada AGESPISA”, finalizou o líder político.

Diego Albert

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.