O prefeito de Barras, Edilson Sérvolo se envolveu em outra confusão. Agora foi com Antonio Damasceno Filho, irmão do aliado político do prefeito, Manim Rego.
Segundo o portal longah.com e uma fonte sua que presenciou o acontecido, Antonio Filho chegou a bater no prefeito. É a segunda vez que o prefeito se envolve em confusão em festas. Na primeira vez, a confusão foi com músicos de uma banda que haviam se recusado a prorrogar uma festa em que ele estava se divertindo.
Em entrevista ao juarezsantos.com, Antonio Filho, que é ex-secretário de administração do Município, contou a sua versão e disse que não chegou a bater no prefeito porque a turma do “deixa disso”, interferiu.
“Eu estava num local público quando o prefeito Edilson Sérvolo chegou me cumprimentando, me abraçando,  inclusive se queixou  de que eu estava distante dele, do seu governo. Após alguns minutos ele prefeito retornou  para o lugar que  eu estava já me agredindo, dizendo que não tinha medo de mim,  me acusando de instruir o meu irmão, Sérgio Rêgo  para  plantar notas negativas na internet contra ele e a sua administração. Eu reagi as agressões dele Edilson  mas não aconteceu do jeito que a rua conta, até porque a turma do deixa disso entrou em ação”.