Seis homens suspeitos de tentar roubar um avião que transportava dinheiro foram mortos na madrugada desta Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018,  no Aeroporto de Salgueiro, em Pernambuco. A ação, que contou com as polícias da Bahia, Pernambuco e Polícia Federal, terminou ainda com o piloto da aeronave ferido, quatro presos e apreensão de seis fuzis e uma metralhadora ponto 50.

O dinheiro, alvo da ação do grupo, era transportado em um avião de uma empresa de segurança, que iria abastecer um banco da cidade. O piloto da aeronave acabou ferido e foi socorrido para um hospital da região – não há informações sobre seu estado de saúde, apenas que está “em condições estáveis”. O nome da empresa não foi divulgado pela Polícia Federal (PF). O dinheiro não foi levado.

Segundo a PF, a quadrilha agiu no momento da aterrissagem da aeronave, quando os assaltantes invadiram a pista do aeroporto e abordaram os vigilantes dos carros-fortes que receberiam o dinheiro transportado. Ainda conforme a PF, o bando disparou contra o avião, atingido o piloto e obrigando-o a parar.

Na abordagem houve intenso confronto entre os assaltantes e os policiais federais, resultando na morte de seis bandidos e no ferimento de outro, que foi socorrido ao hospital local.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a quadrilha agia nos estados da Bahia e Pernambuco.

Equipes da PM da Bahia (Cipe Caatinga), da polícia de Pernambuco e da Polícia Federal acompanhavam a movimentação da organização criminosa. Sabendo do plano de roubar uma aeronave com valores, no Aeroporto da cidade de Salgueiro (PE), a operação foi deflagrada”, afirmou a pasta, em nota.

A polícia baiana relatou que o grupo atirou nos policiais e que, no confronto, seis homens – ainda não identificados – morreram no local. Com a quadrilha, os agentes apreenderam uma metralhadora calibre 50 – que estava instalada em um dos veículos utilizados, seis fuzis AK 47, carregadores e munições.

Outro veículo, com uma quantidade ignorada de assaltantes, conseguiu fugir do local. Buscas estão sendo realizadas na região, com o apoio da Polícia Militar, para localização e prisão do resto da quadrilha de assaltantes, na divisa entre a Bahia Pernambuco.

A PF informou que essa era a principal quadrilha especializada em assaltos a bancos e carros-fortes da região, e já vinha sendo investigada há mais de um ano.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, sapatos e atividades ao ar livre