Um avião monomotor caiu por volta das 9h desta terça-feira (7) no município de Bom Jesus ( a 632 km ao sul de Teresina). A aeronave de prefixo Ipanema Embaer 202 A-PT-UNE explodiu após colidir com o chão a 300 m da cabeceira na pista do aeroporto de Bom Jesus.  De acordo com informações da Polícia Civil, o piloto, identificado como Jardeson Maiques Wanes, 22 anos, estava sozinho e morreu carbonizado. O avião pertence a uma empresa de Bom Jesus e fazia o trabalho testes para uma empresa de pulverização de agrotóxicos nas lavouras.

Fotos: Emiliano Amorim

Jardeson era natural de Campo Novo do Parecis, no Mato Grosso e morava há 15 dias no município.

O agente de Polícia Civil Anchieta, informou que o piloto sobrevoava a região desde cedo, mas teve problemas com a aterrissagem e o avião acabou caindo. Jardeson ficou preso às ferragens e a aeronave explodiu.


O corpo da vítima já foi removido e levado para o Hospital Regional de Bom Jesus. Os documentos da vítima foram queimados no momento do acidente e a proprietária da empresa está levantando dados para apresentar no hospital para a liberação do corpo.





O capitão Valter Pinto, que primeiro chegou ao local para socorrer a vítima, contou que a aeronave estava voando baixo tentando o pouso. 

“O avião descia muito rápido e estava próximo as casas. Houve um barulho forte e a explosão. Menos de cinco minutos já estávamos no local fazendo o socorro”, disse o capitão. 


O fogo foi contido com extintores do aeroporto, já que não existia brigada do Corpo de Bombeiros no local.

Valter Pinto contou que conseguiu apagar o fogo que estava no corpo do piloto. Segundo o capitão, ficou carbonizado das pernas para baixo. O local está isolado. 


(*) Rayldo Pereira e Gracyane Sousa