Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

A população de Barras está sofrendo uma onda de assaltos e arrombamentos em suas casas, estabelecimentos comerciais e ataques nas ruas. Depois de assaltarem residências e comércios, os bandidos agora têm como alvo as Igrejas.


A Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, localizada no centro da cidade e a Igreja de Santa Luzia, que fica no Bairro Boa Vista, foram furtadas nesta semana e o alvo principal foram os cofres onde os fiéis depositam suas ofertas.


O arrombamento e furto da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição aconteceu nesta Quarta-feira (22), por volta das 11h30min, e o da Igreja de Santa Luzia foi realizado às 17h00 horas do mesmo dia. 


O Padre Antônio Pereira, da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, já registrou boletim de ocorrência no único Distrito Policial da cidade, que possui pouco mais de 45 mil habitantes.


Para a polícia, os assaltos e arrombamentos acontecidos em Barras estão ligados ao uso de drogas.


A polícia promete em breve colocar as mãos nos bandidos drogados e tatuados que vendem e usam drogas no Município e alerta: “tem gente grande ou que se acha grande, envolvido”.

Prisões

Em Barras, também foram registrados duas prisões por tentativa de homicídio e furto nesta quarta-feira  (22).

“Conseguimos prender um rapaz vindo de Brasília que realizava furtos à residências e recuperamos uma motocicleta que ele havia levado de Campo Maior”, diz o delegado Humberto Mácola. 

O delegado conta ainda que um outro rapaz foi preso por tentar matar com um facão um antigo desafeto, que quase teve o braço decepado. “A vítima foi socorrida pelo pai do acusado e por pouco não perdeu o braço. Ele foi transferido para o HUT, em Teresina e teve alta hoje”, finaliza Humberto Mácola. 
Fica uma pergunta no ar: por que as pessoas doentes precisam ir para hospitais públicos e privados em Teresina se Barras tem o Hospital Leônidas Melo?