O treinador de futebol Aníbal Lemos, do time principal do Piauí Esporte Clube, agremiação semifinalista do Campeonato Piauiense Piauiense 2018, teve sua residência invadida por bandidos na noite desta Sexta-feira Santa, 30 de Março. A residência fica na Rua Espírito Santo, 1218, zona norte de Teresina.

O arrastão aconteceu quando Aníbal Lemos e sua família estavam fora da residência. Os bandidos levaram tudo de dentro da casa: móveis, aparelhos de televisão, antena parabólica, roupas, deixando a casa completamente vazia.

Falando a reportagem do tribunadonordeste.com o treinador Aníbal Lemos disse: “Na verdade eu e minha família estávamos em outra casa. Queríamos nos mudar nos próximos dias para essa que foi arrombada, estávamos somente esperando a Eletrobras fazer a ligação nova da energia; mas todos os nossos pertences já estavam na casa que os ladrões entraram. Eles aproveitaram que era uma Sexta-feira da Paixão e normalmente as pessoas viajam, os vizinhos praticamente todos estavam ausentes”, disse o treinador.

O treinador de futebol procurou o sétimo distrito policial e a delegacia de flagrantes para fazer boletim de ocorrência, mas em ambas as delegacias não existiam delegados de polícia de plantão e nem alguma pessoa que pudesse fazer o B.O. Esse fato traduz muito bem a forma como o Governo Wellington Dias (PT) tem tratado a segurança pública no Estado.

Aníbal Lemos e sua família são mais uns nomes que entram para as estatísticas de arrombamentos de residências e lojas comerciais em Teresina. A polícia militar que deveria estar fazendo rondas na cidade, geralmente é encontrada somente fazendo blitz nas ruas e avenidas procurando apreender veículos com documentação atrasada, objetivando arrecadar dinheiro para os cofres do Governo de Wellington Dias (PT), o que tem revoltado a população.