A “Blitz do IPVA” que seria realizada em Vitória da Conquista-BA (foto), foi suspensa por ordem judicial nesta Segunda-feira. A operação – do DETRAN-BA com apoio da Polícia Militar da Bahia – previa a apreensão de veículos de motoristas que não estivessem quites com IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) ou do CRVL (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo). Segundo a medida, deferida pelo juiz Ricardo Frederico Campos, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Vitória da Conquista-BA, em caso de desobediência, o Estado da Bahia terá de arca com multa de R$ 100 mil. A ação que resultou na sentença foi feita pelo vereador David Salomão dos Santos Lima.