Estádio Juca Fortes passará a ser chamado de Estádio Januário Manoel Ferreira.    

Barras (PI) – O Estádio Municipal Juca Fortes, que já foi Estádio Governador Helvídio Nunes de Barros, agora passará a ser chamado de Estádio Januário Manoel Ferreira.
A Câmara Municipal de Barras atendendo a projeto do vereador Alfredo Barbosa, aprovou a mudança do nome da principal praça de esportes da Terra dos Governadores, com capacidade para 5 mil expectadores.
Januário Manoel Ferreira, popularmente chamado de “Ginú”, 87 anos, é um antigo e conhecido desportista barrense, que quando jovem foi por vários anos goleiro da Seleção de Barras e posteriormente técnico em diversos Torneios Intermunicipais Piauienses.
Após a aprovação do Legislativo Barrense, o projeto agora vai para sanção do prefeito Edílson Sérvolo. O chefe do Executivo já falou sobre o assunto e disse que irá sancionar tornando o Juca Fortes, Estádio Januário Manoel Ferreira.
Na gestão do Governador Helvídio Nunes de Barros frente ao governo do Piauí entre 1966 e 1970, com recursos do Governo do Estado, ele construiu em Barras o estádio de futebol que levou seu nome. No mesmo período estádio com o nome do então governador foram construídos por ele nas cidades de Picos e Piripiri. Atualmente só o de Picos se chama Helvídio Nunes de Barros.
Já Juca Fortes foi prefeito de Barras na década de 1950. O terreno onde hoje fica o estádio que está prestes a deixar de levar seu nome, foi doado por ele para a municipalidade com o objetivo de se colocar traves e tornar-se um “campinho” para prática de futebol dos amantes desse esporte na então pequena cidade de Barras.
ABAIXO, BIOGRAFIA DE JANUÁRIO MANOEL FERREIRA
Januário Manoel Ferreira
Nascido em 6 de Dezembro de 1925 na localidade Titária, região do Povoado Olinda, Município de José de Freitas-PI, Januário Manoel Ferreira, conhecido popularmente por “Ginú”, considerado “O Maior Desportista de Barras em Todos os Tempos”.
Cidadão Honorário de Barras, título que lhe foi concedido pela Câmara Municipal, projeto de autoria do vereador Osvaldo Alves da Silva, teve como seu orador oficial ao receber o título honorário na Câmara, o jornalista barrense Reinaldo Barros Torres. 
Ginú chegou a Barras no dia 28 de Julho de 1948 e desde então passou a trabalhar com escolinhas e times de futebol em nossa terra, fazendo com que esse esporte fosse aqui mais difundido.
Em sua terra natal, José de Freitas-PI, Januário Manoel Ferreira, que atuava como goleiro, defendeu as cores do Artístico Futebol Clube e do Cruzeiro Esporte Clube. Chegando a Barras logo vestiu a camisa nº 1 da Seleção de Barras, disputando vários Torneios Intermunicipais promovidos pela APCDEP – Associação Piauiense de Cronistas Desportivos. 
Abandonando sua carreira de jogador de futebol em 22 de Novembro de 1966, no jogo Seleção de Barras 3×0 Seleção de Piracuruca, quando foi considerado o melhor jogador em campo, Ginú passou a ser treinador de futebol formando algumas escolinhas em Barras e treinando a Seleção de Barras quando esta participava de Torneios Intermunicipais.
Casado pela terceira vez, Januário Manoel Ferreira tem 15 filhos e 47 netos e se diz muito feliz ao lado da sua esposa atual, Maria Ferreira da Silva. Foi funcionário público, trabalhou com casa lotérica durante 12 anos, foi barbeiro durante 3 décadas e atualmente é aposentado, tendo deixado a profissão de técnico de futebol.