O Piauí, no seu artesanato é referência nacional. A criatividade e habilidade de nosso artesão atesta a qualidade de nossa gente nessa arte.
É através do fortalecimento da cultura de um povo que se pratica o exercício da cidadania. Só a partir do reconhecimento de suas próprias raízes e valores fortalecidos é que o homem é capaz de identificar-se e impor-se perante os outros povos.
ANTÔNIA MARQUES VIEIRA, a TOINHA VIEIRA, nasceu em Barras a 13 de Junho de 1920. Tornou-se um dos mais consagrados nomes que o Piauí exportava para o mundo na arte da escultura em madeira. Ainda criança, começou a trabalhar na cera de abelha, da qual fez um presépio com todos os seus personagens.
Também trabalhava no barro. fazia suas bonecas que depois de prontas eram vestidas e enfeitadas, ganhando vida. Sua experiência despertou o interesse da vizinhança. Passou a fazer bonecas para outras crianças que também moravam às margens do Rio Marathaoan.
As imagens de TOINHA VIEIRA resultaram de sonhos que ela acreditava ser verdadeiras revelações: “Vejo imagens, faço o desenho e logo vou para a madeira esculpir”.
A obra da escultora barrense por várias vezes foi mostrada em exposições por todo o Brasil e em países da América do Sul.