O ex-prefeito de Teresina, Firmino Soares da Silveira Filho (PSDB), foi encontrado morto na tarde desta terça-feira, 6 de Abril de 2021, na zona Leste de Teresina. O ex-prefeito se jogou do 14º andar do Edifício Manhattan River Center, na Rua Senador Arêa Leão, onde funciona o Tribunal de Contas da União – TCU, local em que o ex-gestor trabalhava.  A filha do ex-prefeito esteve no local e reconheceu o corpo.

O ex-secretário de educação de Teresina, Klebler Montezuma, está no local acompanhando o trabalho da perícia. Policiais do 5º Batalhão da PM isolaram o local.

O vereador Evandro Hidd Filho (PDT) também está no local e disse que conversou com Firmino nesta segunda. “Estava tranquilo e disse que tinha voltado a trabalhar normalmente”, afirmou.

Firmino da Silveira Soares Filho tinha 57 anos e foi prefeito de Teresina por 4 mandatos. O último deles encerrou em 31 de dezembro de 2020.

Formado em economia, foi prefeito entre 1997 e 2004, no primeiro mandato. Foi eleito para o terceiro mandato em 2012, igualando-se em número de mandatos a Raimundo Wall Ferraz e reeleito nas eleições de 2016 ainda no primeiro turno das eleições na capital piauiense.

A primeira pessoa que encontrou o corpo de Firmino, que não quis se identificar, disse que jamais vai esquecer a cena. Ela relatou um barulho muito forte e saiu para ver o que tinha ocorrido. “Jamais vou esquecer. Estou em choque”, disse

A filha Bárbara foi quem reconheceu o corpo do pai. Ao chegar no local, a área já estava isolada. Ela precisou ser amparada.

Firmino deixa a esposa Lucy Soares, deputada estadual, e os filhos Bruno, Bárbara e Cristina Soares