Na partida inaugural da Copa do Mundo, a anfitriã Rússia goleou a Arábia Saudita, por 5 a 0, nesta Quinta-feira, 14 de Junho de 2018, no Estádio Luzhniki. A vitória afastou a desconfiança sobre o desempenho os donos da casa. Nunca uma seleção havia vencido na abertura de uma Copa por um placar tão extenso.

Além disso, a Rússia não vencia desde outubro de 2017, quando bateu a Coreia do Sul por 4 a 2, em amistoso. Desde então foram quatro derrotas e três empates na preparação para a Copa.

A festa da torcida russa não poderia ser melhor. Diante de um adversário que mostrou não ter tanta intimidade com a bola, a Rússia não demorou muito para abrir o placar no estádio Luzhniki.

Depois da cobrança de escanteio, a bola sobra para Golovin, que cruzou na área. Gazinskiy sobiu sozinho e cabeceou para fazer o primeiro gol da Copa do Mundo de 2018.

Após o gol, o espírito do Mundial pode ser visto nas tribunas, com o presidente da Rússia Vladimir Putín cumprimentando o príncipe árabe Mohammed bin Salman, com o presidente da Fifa Gianni Infantino entre os dois.

A seleção russa acabou perdendo Dzagoev ainda no 1º tempo, que se machucou sozinho, e teve que fazer a substituição. Cheryshev entrou, manteve o ritmo da equipe e ainda ampliou no final da primeira etapa. Os autores dos dois gols nunca haviam marcado pela seleção russa.

Com Arábia Saudita sem poder de reação, a Rússia aproveitou para fazer o terceiro gol, novamente com um jogador que veio do banco. Dzyuba, que havia entrado no lugar de Smolov, marcou de cabeça.

Cheryshev fez o seu segundo gol na partida, com um belo chute de esquerda, e no final Golovin decretou a goleada, em cobrança de falta.