Em situação de resguardo, Padre Antônio Pereira deixa Barras em Dezembro!

 Em situação de resguardo, Padre Antônio Pereira deixa Barras em Dezembro!
Um dos mais atuantes vigários da história de Barras, Padre Antônio Pereira irá deixar a paróquia da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, cuja fundação remonta ao ano de 1751.
Cantor, compositor, músico, poeta, o jovem padre tornou-se nos seis anos que está a frente da Igreja Matriz da Terra dos Governadores, não só um destacado religioso que repovoou a igreja católica do município, mas um atuante ativista cultural, congregando também admiradores, fãs, nessa área. 
Deixar Barras nunca foi pretensão de Antônio Pereira – ele sempre se sentiu em casa e dono da casa, nos quatro cantos da cidade. Mas neste Domingo, 19 de Novembro de 2017, a notícia da sua transferência para a minuscula e jovem cidade de Coivaras-PI, pegou todos de surpresa e muitos foram os protestos nas redes sociais, dos mais “didáticos” aos mais fervorosos. Em muito dos comentários nas redes sociais, a ira dos internautas abateu-se sobre o também jovem e dinâmico Bispo Francisco de Assis Gabriel dos Santos – da Diocese de Campo Maior, a qual estão inseridas as três paróquias de Barras. Acreditava a maioria que a saída de Antônio Pereira de Barras se devia a uma pretensão do Bispo Diocesano. 
O vigário da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição manteve-se em silêncio, mas a Diocese de Campo Maior não. Logo veio a explicação de que “o Padre Antônio Pereira estava deixando Barras a seu próprio pedido”. Essa afirmação deixou todos os barrenses ainda mais espantados, perguntando uns aos outros: “Como? Isso é impossível acontecer, ele jamais pediria para sair de Barras!”.
A editoria do Tribuna de Barras foi a procura dos fatos para esclarecer os barrenses. Não temos a afirmação do Padre Antônio Pereira, que continua em silêncio, mas nossa reportagem apurou que a saída do querido padre de todos os barrenses foi motivada por uma situação “sigilosa” e que a Igreja Católica prefere não comentar, pois é assunto de natureza interna. De antemão nossa editoria pode afirmar que Antônio Pereira não fez nada de errado, mas que se sentiu obrigado a deixar Barras para poder continuar sua missão de seguir Jesus Cristo e espalhar sua palavra por onde andar. Para seu lugar a Diocese de Campo Maior indicou o Padre Allan Kardec Ferreira de Araújo, que atualmente é o pároco da cidade de Boa Hora, situada na Região da Grande Barras, onde exerce exemplar trabalho pastoral e como Antônio Pereira, também é muito jovem e querido.
Padre Antônio Pereira deixa Barras após os festejos da padroeira, que acontecem de 28 de Novembro a 8 de Dezembro. Resta agora aos barrenses fazerem uma belíssima festa de despedida para seu querido vigário e outra grande festa para receberem o Padre Allan Kardec, novo comandante da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Diego Albert

1 Comment

  • ESTRANHA, MUITO ESTRANHA A NOTÍCIA! Aliás, chega a ser INTRIGANTE e ESTARRECEDORA!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *