Após quatro dias interditado, o trecho da BR-222 no norte do Piauí, entre as cidades de Esperantina e Batalha, foi finalmente liberado para o tráfego de veículos. A via tinha sido bloqueada devido às fortes chuvas que caíram na região no fim de semana passado, fazendo com a estrada alagasse e houvesse risco de rompimento das manilhas que sustentavam o asfalto.

Por conta da interdição, cerca de 2 mil pessoas nas comunidades da zona rural de Batalha ficaram completamente ilhadas. O aterro onde o Exército trabalhava também foi inundado, o que dificultou ainda mais a chegada de ajuda às famílias atingidas pelos estragos da chuva.

Na Terça-feira, 17 de Abril de 2018, o Piauí decretou estado de emergência e o governador Wellington Dias, junto com o senador Ciro Nogueira (Progressistas), se reuniu com o ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua, que protocolou o pedido de decreto e anunciou ajuda emergencial às famílias atingidas.

Ainda na terça, o ministro dos Transportes, Valter Casimiro Silveira, assegurou o início de obras emergenciais no trecho da BR-222. Na Quinta-feira (19), o DNIT iniciou a construção do aterro sobre o bueiro e a restauração do solo da rodovia. O trecho entre Esperantina e Batalha já flui normalmente.

(*) Maria Clara Estrela, O Dia